Clique aqui

sábado, 24 de março de 2018

Hoje é dia de estudo e de lazer


Lojas Pe. Miguelinho e Obreiros de Santos Reis promovem dia de estudos e lazer a partir das 10h

As Lojas Padre Miguelinho e Obreiros de Santos Reis, que funcionam no mesmo endereço, promovem neste sábado um dia de estudos e lazer, no Templo e no Salão de Banquetes climatizado, localizados na Rua Presidente Bandeira, 326 - 1º Andar, no Alecrim, em Natal.
Os trabalhos começam às 10h, no Templo da Loja Pe. Miguelinho, com estudo conduzido pelo Irmão Severino Nogueira de Melo, presidente da Poderosa Assembleia Legislativa Maçônica do GORN, Mestre Instalado e Inspetor para o Grau 33 no Rito Brasileiro no Rio Grande do Norte.
Ele vai falar sobre liturgia, rito, ritual, ritualística, simbolismo e esoterismo, destacando os rito maçônicos mais praticados no Brasil, os trajes para a Sessões, paramentos, ingresso de Irmão retardatário, telhamento, palavra semestral, entre outros.
A exposição do Irmão Nogueira será encerrada às 12h e depois, no Salão de Banquetes climatizado da Loja Pe. Miguelinho, será realizada a 1ª Buchada de Bode, organizada pelas Samaritanas das duas Oficinas.
Além do serviço de comidas e bebidas, haverá música ao vivo e apresentação de talentos da Maçonaria, Irmãos que tocam e cantam por prazer, que farão apresentações especiais durante o evento.
A confraternização social objetiva arrecadar recursos para a construção da plataforma elevatória da Loja Pe. Miguelinho, sonho de muitos anos dos obreiros que frequentam aquela oficina.
Abaixo, a tabela de preços:

1ª BUCHADA DO BODE
Buchada simples - R$ 10.00
Buchada completa - R$ 12.00
Picado porção - R$ 5.00
Picado completo -  R$ 10.00
Carneiro prato - R$ 10.00
Carne de sol prato - R$ 10.00

BEBIDAS
Black & White dose - R$ 6.00
Black & White litro - R$ 70.00
Cerveja Skol - R$ 3.00
Cerveja Heineken - R$ 5.00
Rum Montila dose - R$ 3.00
Conhaque São João dose - R$ 3.00
Cachaça Ypioca dose - R$ 3.00
Cachaça Extremo dose - R$ 3.00
Caipirinha - R$. 5.00
Caipirosca - R$ 7.00

REFRIGERANTES EM LATA 
Coca-Cola -CR$ 4.00
Pepsi-Cola - R$ 3.00
Guaraná Antárctica - R$ 3.00

CAIPIFRUTAS - R$ 10,00
Sabores: Uva, Maracujá, Morango, Limão e Cajá

segunda-feira, 19 de março de 2018

GORN festeja emancipação política de Mossoró

Sessão Magna foi prestigiada por Irmãos de várias Oficinas
A Loja Maçônica João da Escóssia, de Mossoró, realizou Sessão Magna Branca no último dia 15 de março, em comemoração aos 166 anos de emancipação política da cidade.
A Sessão foi dirigida pelo Venerável Mestre Alexandre Paula Braga e foi prestigiada pela prefeita Rosalba Ciarline, vice-prefeita Nayara Gadelha, vereador João Gentil, representando a Câmara Municipal, Maçons, Samaritanas e outras autoridades civis e militares.
Entre as autoridades maçônicas, participaram da Sessão o Grão-Mestre Antônio Gomes da Silva, o Grão-Mestre Adjunto José Ozair Pinto Filho, o Grão-Mestre de Honra Antônio de Brito Dantas, o Soberano Comendador do Supremo Conselho do Rio Grande do Norte, Grau 33, para o Rito Escocês Antigo e Aceito José de Anchieta Fernandes, os Grandes Secretários do GORN João Célio Cavalcante (Chefe de Gabinete), Wilson Bezerra de Moura (Ouvidor Geral), Olismar Lima (Educação e Cultura), Veneráveis Mestres das Lojas 24 de Junho, João Torres Pinto, Bet-El, Josué Fernandes Pedrosa, Coronel Fausto (Areia Branca), Luiz Paulo Peixoto Gomes, Jacques DeMolay (GLERN) Dejardan José, acompanhados de respectivas comitivas.
Antonio Filemon falou sobre a Emancipação de Mossoró
O palestrante da Sessão foi o Irmão Antônio Filemon Rodrigues Pimenta, escritor, membro da Academia Mossoroense de Letras e titular da Cadeira nº 5, membro da Academia Maçônica de Letras do Rio Grande do Norte (AMLERN) e da Associação de Escritores de Mossoró (ASCRIM).
Ele falou sobre o tema Emancipação Política de Mossoró: Aspectos Históricos, destacando os fatos que culminaram neste evento há 166 anos, e foi agraciado com um Diploma de Honra ao Mérito pela exposição histórica.
Depois da Sessão, a Loja ofereceu um coquetel a todos os convidados no seu Salão de Banquetes.
O Blogue do GORN publica, abaixo, algumas imagens da Sessão Magna Branca:

Prefeita Rosalba Ciarline, Sob∴ Antonio Gomes e Ven∴ Alexandre Braga
Prefeita faz pronunciamento sobre a data

Autoridades maçônicas, civis e militares
Irmãos prestigiaram solenidade na Loja João da Escóssia

Soberano Antônio Gomes entrega Diploma ao palestrante
 

Companheiros serão Exaltados hoje em Natal

Irmãos José Mário, Tomé de Souza e Emmanuel Pinheiro,
de avental branco, serão exaltados a Mestres Maçons hoje
A Loja Maçônica Hegésippo Reis de Oliveira, do Grande Oriente do Rio Grande do Norte, realizará hoje Sessão Magna para exaltação de três novos Mestres Maçons.
Serão exaltados os Companheiros Maçons Augusto César Emmanuel Pinheiro e Alves, José Mário Costa e Tomé de Souza Nogueira Rêgo, em solenidade que será dirigida pelo Venerável Mestre Francisco de Assis Batista Júnior.
O Venerável expediu convite a todas as Lojas do Oriente de Natal, e os Irmãos que forem `Sessão deverão comparecer trajados de paletó e gravata, com paramentos maçônicos.
Depois da Sessão, os novos Mestres Maçons serão festejados no Salão de Banquetes da Oficina com um coquetel oferecido pela Loja.
Exaltação - o Grau de Mestre é o complemento dos Graus de Aprendiz e Companheiro, que são os primeiros passos na vida maçônica.
O Mestrado conduz o Maçom a novas sínteses: enquanto o Aprendiz dedicou-se a desbastar a pedra bruta e o Companheiro ao trabalho intelectual de desbastar a pedra cúbica, o Mestre terá o trabalho espiritual de, simbolicamente, derramar a luz e reunir o que está disperso.
Aos novos Mestres, Irmãos Augusto César Emmanuel Pinheiro e Alves, José Mário Costa e Tomé de Souza Nogueira Rêgo, o Blogue do GORN deseja muito sucesso nesta nova etapa da vida maçônica.

Agenda Maçônica - 20/3/2018

Nesta terça-feira, dia 20 de março, tem Sessão Maçônica nas seguintes Oficinas do Grande Oriente do Rio Grande do Norte:


NATAL
Loja União e Vitória nº 20, Parnamirim, Rua Antonio Lopes Chaves, 256, Parque do Pitimbú - R∴E∴A∴A∴ 

Loja Obreiros de Santos Reis nº 31, Natal, Rua Presidente Bandeira, 326 - Alecrim, templo da Loja Pe. Miguelinho - R∴B∴ 

Loja Bartolomeu Fagundes nº 08, Natal, Rua Alexandrino de Alencar, 1247 - Tirol - R∴E∴A∴A∴ 


Loja Hegésippo Reis de Oliveira nº 10, Natal,  Rua Presidente Quaresma, 1119 - Lagoa Seca - R∴E∴A∴A∴ - Sessão Magna de Exaltação

APODI

Loja Vale do Apodi nº 17, Rua Albanisa Barbosa, nº 100 - Cj IPE, BR 405, Km 75 - R∴E∴A∴A∴

MOSSORÓ
- Loja Bet-El nº 12, Rua Edmar Francisco Pereira, s/n, Aeroporto - R∴Y∴
MACAU
Loja 27 de Dezembro nº 04, Rua São José, 306, Centro - R∴E∴A∴A∴
NOVA CRUZ
Loja União do Agreste nº 15, Rua 1º de Maio, s/n - R∴E∴A∴A∴

PARELHAS

Loja Cirilo Santos nº 16, Rua Daniel Gomes de Oliveira, 44 - R∴E∴A∴A∴
CAICÓ
Loja Frank Shermann Land nº 27Rua Juarez Távora, 1403, Mainard - R∴E∴A∴A∴
AREIA BRANCA
Loja Coronel Fausto nº 05, Rua Maria Lúcia de Góis, 26 - IPE - R∴E∴A∴A∴

segunda-feira, 12 de março de 2018

Iniciação e Elevação movimentam Lojas do GORN

Loja Cirilo Santos esteve repleta para a Iniciação Maçônica
A Loja Cirilo Santos, do Oriente de Parelhas no Seridó do Rio Grande do Norte, realizou Sessão Magna de Iniciação bastante concorrida sábado, dia 10 de março, conduzida pelo Irmão Wedson Morgano de Souza Pereira, Venerável Mestre.
Três profanos receberam a Luz Maçônica: Max Silvino de Araújo, Lindenbergue Meira de Souza e Jailson Martiniano do Nascimento.
O Sereníssimo Grão-Mestre Adjunto José Ozair Pinto Filho participou ds trabalhos, acompanhado de comitiva formada pelo Grão-Mestre de Honra Antônio de Brito Dantas, o Presidente da Poderosa Assembleia Legislativa Maçôncia Severino Nogueira e o Chefe de Gabinete do Grão-Mestrado, Irmão João Célio Cavalcante.
Delegações das Lojas União Jardinense (Jrdim do Seridó), Acácia do Seridó (Acari), Frank Shermman Land (Caicó) e Acácia do Seridó (de Junco do Seridó, na Paraíba) prestigiaram o evento.
A Sessão foi considerada brilhante pelo Irmão Ozair Filho, que destacou a ritualística bem trabalhada pelos Irmãos de Parelhas.
Depois dos trabalhos, foi servido um jantar com música ao vivo no Salão de Festas Mauro Medeiros, da própria Loja Cirilo Santos.
 
ELEVAÇÃO - Já a Loja Pe. Miguelinho, de Natal, elevou os Irmãos Hailson Preston e Raniery Teixeira, em Sessão Magna realizada na quinta-feira da semana passada, com a participação do Sereníssimo Ozair Filho e sua comitiva, além de Irmãos de várias oficinas da capital do Estado.
Os trabalhos foram conduzidos pelo Irmão Nilton Minora de Almeida, Venerável Mestre.
Depois da Sessão, os presentes foram recepcionados com um coquetel preparado pelas Samaritanas da Loja no Salão de Banquetes, no terceiro piso do prédio, ocasião em que também foi comemorado o Dia Internacional da Mulher.


Irmãos Hailson e Raniery foram receberam o Grau de Companheiro

Agenda Maçônica - 13/3/2018

Nesta terça-feira, dia 13 de março, tem Sessão Maçônica nas seguintes Oficinas do Grande Oriente do Rio Grande do Norte:

NATAL
Loja União e Vitória nº 20, Parnamirim, Rua Antonio Lopes Chaves, 256, Parque do Pitimbú - R∴E∴A∴A∴ 

Loja Bartolomeu Fagundes nº 08, Natal, Rua Alexandrino de Alencar, 1247 - Tirol - R∴E∴A∴A∴ 


Loja Hegésippo Reis de Oliveira nº 10, Natal,  Rua Presidente Quaresma, 1119 - Lagoa Seca - R∴E∴A∴A∴

APODI

Loja Vale do Apodi nº 17, Rua Albanisa Barbosa, nº 100 - Cj IPE, BR 405, Km 75 - R∴E∴A∴A∴

MOSSORÓ
- Loja Bet-El nº 12, Rua Edmar Francisco Pereira, s/n, Aeroporto - R∴Y∴
MACAU
Loja 27 de Dezembro nº 04, Rua São José, 306, Centro - R∴E∴A∴A∴
NOVA CRUZ
Loja União do Agreste nº 15, Rua 1º de Maio, s/n - R∴E∴A∴A∴

PARELHAS

Loja Cirilo Santos nº 16, Rua Daniel Gomes de Oliveira, 44 - R∴E∴A∴A∴
CAICÓ
Loja Frank Shermann Land nº 27Rua Juarez Távora, 1403, Mainard - R∴E∴A∴A∴
AREIA BRANCA
Loja Coronel Fausto nº 05, Rua Maria Lúcia de Góis, 26 - IPE - R∴E∴A∴A∴

quarta-feira, 7 de março de 2018

Vale do Apodi prestigia instalação e posse na GLERN

Maçons presentes à instalação em Caraúbas-RN
Comitiva, liderada pelo Venerável Mestre Josivan Alves, esteve em Caraúbas no fim de semana para a Sessão Magna de Instalação e Posse do Irmão Francisco de Assis de Melo Varela na Loja Maçônica Doutor Antonio Gentil Fernandes, em Caraúbas.
Evento contou com a participação do Grão Mestre e do Grão Mestre Adjunto da GLERN, respectivamente Irmãos Roberto di Senna e Haroldo Gurgel Mota, que foi o Mestre Instalador.
Integraram a comitiva de Apodi os Irmãos Gilvan Alves, M∴I∴, Túlio Marinho e Luís Marinho, AApr∴ e Neto Menezes, M∴M∴ 
Comitivas maçônicas de vários Orientes prestigiaram o evento. 
"Foi uma ótima reunião na Loja co-irmã da Vale do Apodi. É sempre uma honra estar presente em Caraúbas-RN. Desejamos todo sucesso ao Irmão Varela, na condução da Loja.", destacou o Venerável, Josivan Alves.
Comitiva de Apodi

terça-feira, 6 de março de 2018

Mensagem do Grão-Mestre

Meus Irmãos

Logo após o carnaval, na semana seguinte, viajamos até a cidade de Goiânia–GO, onde aconteceu a 106ª Assembleia Nacional da COMAB, com a presença dos Grão-Mestres de vários Estados. Logo na abertura, aprovamos a ata da 105ª Assembleia Geral do Colégio de Grão-Mestres e, em seguida, participamos da palestra proferida pelo Grão-Mestre Adjunto do Grande Oriente do Paraná, Ir.∙. Cristian Adrian Flores Maldonado, versando sobre as “Relações Exteriores e Reconhecimento entre as Potências”, tema de grande relevância para as potencias que almejam a sua regularização junto a C.M.I.
Sequenciando, tivemos também uma palestra bastante relevante, ministrada pelo Grão-Mestre Adjunto da Grande Loja do Distrito Federal com a temática “Evasão Maçônica: causas e consequências”, fato que preocupa a Maçonaria Mundial no momento, tomando por base o livro do Grão-Mestre daquela potência no Distrito Federal, o Ir.∙. Cassiano Teixeira de Morais. É uma abordagem bastante polêmica que carece de um aprofundamento mais substancial no que tange a especificidade de cada país.
Um momento bastante significativo foi a exposição do Relatório Anual da Ordem De Molay efetuada pelo Ir.∙. Paulo Henrique de Ataíde Pereira, Grande Mestre Nacional da Ordem De Molay. Vle registrar e destacar que em termos de tecnologia, eles estão bastante organizados e disciplinados, de maneira que todos os dados estatísticos estão atualizados, quer seja do início das atividades no Brasil, quer seja dos dias atuais, demonstrando, assim, o poder científico organizacional da Ordem que somente cresce com a aquiescência devida das potências que apoiam o Supremo Conselho da Ordem De Molay para a República Federativa do Brasil, que hoje conta no seu quadro com mais de 80 mil De Molays. Parabéns a todos os integrantes dessa Ordem Paramaçônica, e que todos possam muito em breve se integrar a Maçonaria, é claro, respeitando os ditames das leis que preconizam a nossa Instituição.
Além disso, diversos assuntos foram tratados como a Comunicação Institucional e a Comunicação Visual da COMAB e a Proposição do Curso de Formação Maçônica da ENAEM no formato de ensino à distância, aonde o Ir.∙. Kênio Ismael da Grande Loja, que é pesquisador e escritor maçônico expôs com muito conhecimento.
Porém, o ponto máximo da Assembleia foi, sem nenhuma uma dúvida, a eleição dos Irmãos Tadeu Draco e Aldemir Lúcio de Amorim, respectivamente Grão-Mestre do Grande Oriente do Rio Grande do Sul para Presidente da COMAB e o Grão-Mestre do Grande Oriente do Mato Grosso para Vice-Presidente. Os Irmãos foram eleitos com todos os votos dos Grão-Mestres presentes, demonstrando a maturidade do colegiado. Que os Irmãos eleitos possam fazer uma administração profícua, equânime, harmoniosa e que a COMAB venha a crescer ainda mais no conceito da Maçonaria Brasileira e, consequentemente, Mundial.


Um TFA!

domingo, 4 de março de 2018

A necessidade do conhecimento maçônico – II

Severino Nogueira de Melo

O debate de temas maçônicos ou de caráter filosófico concorrerá para maior discernimento da missão nobre e elevada dos Maçons, servirá para indicar melhores caminhos para os novos e permitirá conclusões mais ajustadas da verdade para todos.
A interpretação dos rituais, dos preceitos maçônicos, da história da Maçonaria, tão mal sabida, tão impregnada de lendas fantásticas e de confusões absurdas, dissiparia dúvidas, nortearia os Maçons para rumos mais certos. Além do mais, esses estudos e debates quebrariam a monotonia dos trabalhos nas Lojas, quantas vezes improducentes e enfadonhas, com instruções e discussões estéreis feitas por Irmãos destituídos de leitura. 
Continuamos a usar em nossas Lojas a antiga e cansativa aula de pseudocatedráticos, cujas mensagens são mal recebidas, mal-entendidas e esquecidas, em pronunciamentos que se prolongam indefinidamente, sem ligações lógicas com os argumentos apresentados. Precisamos usar os modernos recursos didáticos em exposições curtas, seguidas de debates, com técnicas de dinâmica de grupo, simpósios, seminários, evitando sempre as conferências magistrais. Tudo isso provocaria debates, participação e tornaria a Sessão motivadora.  
Para tanto, o Irmão deve voltar à prática do salutar e edificante manuseio do maço e do cinzel, dar tratos à capacidade de pensar, que há muito foi substituída por atividades nada motivadoras, mesmices entediantes que apenas embalam o sono dos ouvintes passivos. Tomemos verdadeiramente a consciência maçônica, pois só assim aprenderemos a entrar em Loja e discutiremos, com melhor aproveitamento, tudo que a Ordem tem a nos ensinar.
A instituição nos faculta o tratamento de Irmãos, mas Irmãos são todos os que, por condutas maçônicas, são reconhecidos como tal. Diferentemente de Obreiros que deveríamos ser, pois Obreiros são aqueles que nos instruem e inspiram, por suas condutas maçônicas, a nos tornarmos Irmãos. Hoje, as Lojas simbólicas não preparam o Maçom, nem as filosóficas o purificam. 
Maçons hoje não são mais lapidados a maço e cinzel, não são mais forjados a fogo e martelo: são moldados à imagem e semelhança de suas inaptas lideranças, muitas vezes descompromissadas com os postulados da nossa Sublime Ordem e que, de forma irresponsável, fazem da Loja um clube de amigos. Fogem da imensa responsabilidade desta nobre instituição, que é a formação do Mestre Maçom para que ele, conhecendo os princípios da Maçonaria, possa atuar na sociedade em prol do seu semelhante. 
O que se vê atualmente é o oferecimento de graus em pantagruélicos banquetes, comendas distribuídas a quem as cobre de vergonha e cargos preenchidos por quem deles se locupleta. A Loja não é um lugar onde se vende ou se compra coisas e muito menos uma distribuidora de medalhas e honrarias. 
A Loja deve ser uma escola que nos ensina a ser um bom Maçom. Aquele que não confunde liberdade, que é direito sagrado, com abuso que é defeito. Também deve nos ensinar a crer em Deus, Ser Supremo, que nos orienta para o bem e nos desvia do mal; a cultivar a fraternidade, porque ela é a base fundamental da Maçonaria; a recusar agradecimento porque o Irmão se satisfaz com o prazer de haver contribuído para amparar seu semelhante; a não se abater, a não se revoltar com as derrotas, porque vencer ou perder são contingências próprias da vida do homem.
A Loja ainda nos ensina a seguir o caminho da moral, pois quem dele se afasta se incompatibiliza com os objetivos da Maçonaria; a ser amigo da família, porque ela é a base fundamental da humanidade (o mau chefe de família não tem qualidades morais para ser Maçom); a não ter apego aos cargos, porque isso é cultivar a vaidade e o bom Maçom não pleiteia cargos nem honrarias; que a Maçonaria é a própria resposta ao nosso questionamento de dignidade, tolerância e amor.
A Loja nos ensina também, através do simbolismo, que o verdadeiro Maçom é um homem livre e não um joguete passivo das circunstâncias e das pessoas que o rodeiam; é alguém que sabe o que quer, que possui liberdade de pensamento e condições psicológicas para absorver determinados ensinamentos através do estudo e da reflexão, sem pré-julgamentos; a ser homens de bons costumes, capazes de se conduzir em qualquer condição e lugar; a superar obstáculos naturais, discussões interpessoais, ambientes confusos e dificuldades financeiras através da coerência, do bom senso, da organização e do equilíbrio e da sensatez; a não silenciar sob pena de ver sucumbir os ideais desta notável escola de homens de bem nas ondas revoltas do mar da indiferença.
Por tudo isso, meus Irmãos, é que precisamos estudar. Sendo a Maçonaria uma instituição humanitária de caráter fraternal e filosófica é desnecessário ponderar que ninguém poderá conhecer filosofia sem estudar, sem ler muito.  O verdadeiro Maçom deve ser um devoto da leitura de livros maçônicos e não um simples repetidor de frases, nem sempre proferidas com acerto nas sessões maçônicas.

M∴M∴ e Presidente da Poderosa Assembleia Legislativa Maçônica do GORN

Loja Pe. Soveral inicia o seu Ano Maçônico

Sereníssimo José Ozair Pinto Filho prestigiou abertura dos trabalhos
A Loja Maçônica Padre Soveral nº 21 abriu ontem o seu ano maçônico, com a realização de Sessão Econômica no Grau de Aprendiz no Templo da da Loja União do Agreste, em Nova Cruz.
A Sessão foi dirigida pelo Irmão Juarez Antônio de Sá Rabello, Venerável Mestre, e foi prestigiada pelo Irmão José Ozair Pinto Filho, Grão-Mestre Adjunto do Grande Oriente do Rio Grande do Norte, que se fez acompanhar dos Irmãos João Célio Cavalcante, Francisco de Assis Araújo e José Humberto de Lima, respectivamente Grande Secretário de Gabinete, Grande Secretário de Administração e Grande Secretário Adjunto de Liturgia e Ritualística.
Além dos Irmãos do Quadro, participaram da Sessão Maçons das Loja União do Agreste, João Sales de Araújo, do Oriente de Belém-PB, Acácia da Serra, do Oriente de Araruna-PB, Clementino Câmara e Filhos da Fé ambas do Oriente de Natal.  
A Loja Padre Soveral se reúne quinzenalmente às 9h00, no primeiro e terceiro sábado de cada mês, provisoriamente no Templo da Loja União do Agreste, em Nova Cruz.